Infográfico: 9 maneiras simples de ser mais criativo

2016-12-07_infografico-criatividade_cover1

Criatividade é algo que nós temos dificuldade de lidar de tempos em tempos.

Num estudo da Adobe de 2012, só 1 em cada 4 pessoas entrevistadas sentiam que estavam cumprindo o seu potencial criativo. Isso mesmo que 8 em cada 10 delas reconheciam o valor da criatividade para a economia. Participantes culpavam principalmente a falta de tempo, o sistema educacional vigente e o maior foco na produtividade, ao invés da criatividade, no local de trabalho.

Leia também:
» Infográfico: Como vivem os criativos
» Guia de Profissões: Diretor(a) de Arte
» Infográfico: A rotina dos criativos mais famosos

Esses contrastes são muito evidentes nas prioridades de funcionários de cargos altos de muitas organizações. Uma pesquisa com 1.500 CEOs, realizada pela IBM, mostrou que 60% dos gerentes executivos consideram a criatividade a mais importante entre as qualidades de um líder. Então, como conciliar o problema da criatividade?

Crescendo

É importante mencionar a ideia que muitos têm de que apenas algumas pessoas são criativas. Como dizia Picasso: “Toda criança é um artista. O problema é o como manter-se um depois de crescido”.  É verdade que nossa criatividade tende ao auge na infância (5 a 10 anos), e vai diminuindo conforme o cérebro se desenvolve para a vida adulta.

Um estudo fascinante da NASA mostrou que um teste de criatividade aplicado em astronautas rendeu uma taxa de aprovação de 98% quando aplicada em um grupo de 2,000 pessoas com 5 anos. O mesmo teste, dado cinco anos mais tarde, rendeu uma taxa de apenas 30% de aprovação. E mais cinco anos depois, o resultado caiu para 12%, e durante a idade adulta, somente 2% do mesmo grupo passaram.

Conforme nós crescemos, os aspectos lógicos dos nossos processos de pensamento geralmente se tornam dominantes, ampliando nossa tendência ao pensamento crítico, o que pode prejudicar o fluxo criativo (e derrubar as nossas ideias). Nós também tendemos a absorver cada vez menos estímulos do ambiente externo, à medida que nos tornamos mais acostumados a ver as mesmas coisas no nosso ambiente físico. Isso nos torna menos responsivos a novas ideias.

Descobrindo a verdade

Nós estamos condenados à uma vida de inibição criativa, de uma forma ou de outra. Enquanto a neurociência da criatividade está em sua relativa infância, a última pesquisa realizada está provando, a passos lentos, que a criatividade é uma habilidade que pode ser desenvolvida e um processo que pode ser facilitado por meio de certas atitudes.

Você pode aprender a ser mais criativo através da experimentação, exploração, questionamentos, usando a imaginação e sintetizando informações.

9 maneiras simples de ser mais criativo

Combinando as descobertas da neurociência, entrevistas com notáveis inventores da atualidade e citações da história, reunimos 9 atitudes que você pode trabalhar para melhorar a sua criatividade.

Essas atividades testadas empiricamente vão te ajudar não só a treinar sua mente para o hábito de pensamento criativo. Também te ajudam a estimular o seu ambiente para criar um espaço mais receptivo a criatividade.

Confira o infográfico:

 Infográfico: 9 formas simples de ser mais criativo

Publicado em [SpiritButton]. Traduzido por Tutano.

DEIXE UM COMENTÁRIO