4 dicas de planejamento para criar um canal de sucesso no Youtube

4 dicas de planejamento para criar um canal de sucesso no Youtube

Então você quer criar um canal de sucesso no Youtube, certo? Você acha que tem o que é preciso para ser o novo gênio milionário famoso e com milhões de inscritos?

Bom, para isso, há muito sangue, suor, lágrimas (e cliques!) envolvidos no processo de fazer um canal famoso, a menos que você tenha um vídeo HILÁRIO de você ou algum de seus amigos tomando uma pancada forte nas “áreas sensíveis”, você provavelmente não vai se tornar um sucesso de um dia pro outro (e talvez nem esse sucesso seja o bastante para pagar as contas do hospital)

Leia também:
» Infográfico: guia completo dos tamanhos de imagens nas mídias sociais
» Guia de Profissões: Motion Designer
» Infográfico: 7 hábitos para uma fala mais cativante

Construir um canal de sucesso no Youtube é só isso – construção. Você precisa de uma planta do seu projeto antes de começar algo, a menos que você queira acabar com ruínas tentando construir um arranha-céu.

Aqui vão algumas dicas para você considerar, antes que você quebre os andaimes:

 

1. “Conhece-te a ti mesmo” – Defina quem você é, do que você gosta e como vai querer se apresentar

Seja você mesmo em frente às câmeras. Isso parece meio óbvio, mas vale a pena comentar. Pense em qualquer um dos seus Youtubers favoritos. Por que você gosta deles? Por que você volta para assistir conteúdo deles, sempre que lançam algo novo? Bom, não precisa pensar mais, porque vou te dizer o que é – eles desenvolveram um personal branding que você gostou. Definir a si mesmo e criar seu próprio “personal branding” é a chave para a criação e manutenção de um ótimo canal.

Tente focar em algo que você realmente tenha paixão ou conhecimento sobre. Não se preocupe se a sua ideia é popular – faça o que você ama (e faz bem) e você com certeza conquistará sua audiência.

Não sabe por onde começar? Faça uma lista. Sério. Sente-se (de preferência numa cadeira bem confortável, porque pode demorar), e faça uma lista de TUDO o que você gosta. O que te faz feliz? Você gosta de dias ensolarados? Leia um pouco sobre a ciência por trás do Sol e compartilhe seus conhecimentos. Você gosta de ficar sentado? Vá para uma loja de móveis e faça resenhas de sofás confortáveis.

Não há limites para as coisas que você pode fazer no Youtube. E é por isso que têm tanta coisa lá. Vá descobrir qual dos seus gostos será sua mina de ouro!

 

2. Reconheça suas habilidades – O que você consegue fazer?

Conteúdo com maior qualidade de produção tende a ter mais visualizações e compartilhamentos. É assim que a banda toca normalmente. Apesar disso, conteúdos ótimos podem ser feitos em qualquer nível de qualidade – você só tem que aproveitar ao máximo as suas habilidades e equipamentos (e, é claro, usá-los adequadamente dependendo do que você está tentando criar).

Você tem uma Câmera RED, uma plataforma dolly, uma armadura completa e partes de um manequim por aí? Você pode filmar uma cena de uma batalha épica de fantasia com explosões de braços e pernas. Você tem um gravador velho dos seus pais da década de 90? Eu aconselharia não filmar essa batalha épica. Você pode estar tentando filmar isso:

Mas acabar conseguindo só isso:
.

Ao invés disso, tente criar um vlog falando SOBRE cenas de batalhas épicas, ou fazendo reviews de filmes de fantasia. Quem sabe? Se você conseguir conquistar uma audiência significativa, você poderá pagar pela sua própria cena de uma batalha épica algum dia. Mas, por enquanto, considere seus equipamentos e suas habilidades de gravação e edição antes de começar a planejar e criar conteúdo.

 

3. Conheça seu público – Quem serão eles e as melhores formas de alcançá-los

Pssst. Ei. Cara. Vem cá um pouquinho. Chega bem pertinho pra ouvir. Tá ouvindo? Beleza.

UM BOM RELACIONAMENTO COM SUA AUDIÊNCIA É A PARTE MAIS IMPORTANTE DO YOUTUBE!!

Consegui sua atenção. Ótimo. Porque é verdade. Construir um relacionamento com seu público é um fator decisivo quase que por si só para o seu sucesso ou fracasso no Youtube. Tudo o que você faz deve ser para também construir esse relacionamento. Se torne disponível para eles. Tenha uma conta no Facebook/Twitter e responda a eles quando entrarem em contato com você. Seja legal. Pessoas que gostam de você são mais suscetíveis a compartilhar seu conteúdo.

Conforme você desenvolve uma relação com seu público e passa a conhecê-lo um pouco mais, padrões começam a aparecer – qual idade têm, pelo que mais se interessam, com que gênero se identificam, etc. No marketing, isso é chamado de informação demográfica.

Você pode usar essa informação como base para o desenvolvimento de conteúdos futuros, não só que você vai gostar de fazer, mas que também terão certo apelo para o seu público. Agora, você não tem que ceder a todo e qualquer pedido (e, acredite em mim, você vai receber MUITOS pedidos), mas tenha em mente o que eles realmente querem ver.

Outra coisa para ter em mente é que sua audiência não vive só no Youtube, ela vive em vários lugares. Fãs que tentarão entrar em contato com você por Twitter e Facebook são seus verdadeiros fãs. Para um site que é conhecido por ser uma das redes sociais mais importantes, o Youtube também é conhecido por ter as piores interações sociais de todos os tempos. Uma olhada na parte de comentários do site já te dá uma ideia disso. Os comentários dos seus vídeos estarão lotados de trolls, então lide com eles na única forma comprovadamente funcional: ignore-os completamente.

Ocasionalmente, você também vai receber comentários legais no Youtube. Não se esqueça de agradecê-los e mandar um sorriso.

 

4. Faça um cronograma para o seu canal e SIGA A RISCA

Coisas ruins acontecem. A gente entende. Mas garanta que seu canal também aconteça. Consistência é chave para o sucesso. Ter um conteúdo forte e regular é mais importante do que ter conteúdos dignos de Hollywood de vez em nunca. Lançar conteúdo regularmente te ajuda a desenvolver um relacionamento com seu público mais facilmente, te dá mais chances de exposição e geralmente prende a atenção do seu público. Se você dá ao seu público muito tempo entre um vídeo e outro, eles vão para algum lugar que ofereça mais do que isso. Audiências são instáveis assim mesmo.

Se precisa se planejar para lançar conteúdo pelo menos uma vez por semana, ou por mês, dependendo tipo e da dificuldade do conteúdo que você cria. Crie um cronograma para você mesmo e faça dele uma parte importante da sua vida. “Eu faço vídeos nas quartas e lanço eles às sextas-feiras”. Agora isso é o que você faz às quartas-feiras. Por quanto tempo? Faça de conta que para sempre.

Faça o que tiver que fazer para seguir essas deadlines. Isso vai ser sofrido. Mesmo que você ame criar conteúdo, algumas vezes vai ser uma tortura para você. Mas, uma vez que o conteúdo esteja no ar e seus fãs estiverem comentando sobre o quanto amaram seu novo vídeo no Twitter, e que eles querem se casar com você e ir com você para o espaço onde vocês podem viver num palácio de sorvete numa dimensão paralela para todo o sempre…

Tudo isso vai valer a pena.

Procurando mais alguma dica?

Saiba como transformar seu projeto em um canal de sucesso

Melhore a sua compreensão de como uma estratégia de desenvolvimento de canal no YouTube pode ser pensada e transforme uma ideia de projeto em uma série de vídeos.

Ministrante
Wagner Martins
(Mr Manson)

Sócio-fundador da

Originalmente publicado em [Grape Vine Logic]. Adaptado por Tutano.

DEIXE UM COMENTÁRIO