redator

O ditado popular insiste em dizer que uma imagem vale mais do que mil palavras, mas para um Redator Publicitário pode ser difícil escolher entre esses dois elementos fundamentais da propaganda, já que as palavras traduzem o conceito definido pela equipe de Criação.

Leia também:
» Guia de Profissões: Community Manager
» Guia de Profissões: Diretor(a) de Arte
» Entenda como funciona o universo das agências

Primeiramente, esqueça outro comentário muito comum que diz que um Redator Publicitário nada mais é do que um escritor frustrado. Os profissionais que têm o texto como principal material de trabalho possuem diferentes traços estilísticos, por exemplo, uma manchete de jornal utiliza determinados recursos para informar sua audiência, enquanto um slogan utiliza outros para vender o produto desejado.

O Redator idealiza e escreve campanhas publicitárias em parceria com o Diretor de Arte, ou seja, a dupla de Criação é responsável pelo conceito por trás de um produto ou de uma marca, sempre seguindo as diretrizes estabelecidas pelo cliente em seu briefing.

O que faz?

As principais atividades de um Redator envolvem a elaboração de títulos, textos diversos e roteiros, que transformem um conceito idealizado em algo mais concreto para o consumo. O profissional é responsável por boa parte do discurso apresentado nas peças publicitárias, seguindo a temática determinada para a campanha.

A linguagem precisa ser muito bem escolhida para conquistar o público, pois o objetivo da propaganda é vender um produto, uma ideia ou um estilo de vida. O Redator também deve compor textos que melhorem a imagem de uma empresa, seja para reforçar um posicionamento importante ou para reparar uma falha na comunicação.

O Redator costuma trabalhar em agências de publicidade, mas é possível trabalhar diretamente nos veículos de comunicação, como jornais, blogs, canais de televisão, etc. Atualmente, um profissional da área de redação pode escolher entre os caminhos online e offline, da mesma forma que o Diretor de Arte.

Os que desejam se dedicar à comunicação online (newsletters, banners, e-mail marketing, etc.) devem levar em conta a velocidade do consumo da informação, uma vez que textos online costumam ser de rápida leitura. A comunicação offline (folders, anúncios, roteiros, etc.) foi muito influenciada pelo surgimento dos canais virtuais, por isso sua linguagem também está mais dinâmica.

Quanto ganha?

Conforme os dados das oportunidades divulgadas no trampos.co, a faixa salarial de um profissional Júnior varia entre R$ 2.000 e R$ 3.000. Já a bolsa para estagiários normalmente é de R$ 1.000, no máximo R$ 2.000. Para cargos Sênior, os salários podem chegar a R$ 8.000.

Perfil e características do profissional

Para ser um bom Redator é preciso criatividade para escrever, claro. Além disso, é extremamente importante dominar a língua portuguesa (ou o idioma de trabalho), não só para escrever de forma correta, mas principalmente para aproveitar todos os artifícios que a língua nos dá. Muitos slogans utilizam apenas uma ou pouquíssimas palavras para vender um produto e mesmo assim são impossíveis de esquecer.

Outro requisito essencial para ter sucesso na profissão é entender de Marketing. Unindo os conhecimentos de Marketing às habilidades do mundo digital, o profissional deve pensar de forma estratégica, trabalhar com ferramentas como Google Analytics, dominar as técnicas SEO e monitorar o conteúdo para compreender sua efetividade.

Os profissionais da área normalmente são formados em Publicidade e Propaganda, Comunicação, Jornalismo, Letras ou Marketing. Ser organizado, curioso e saber trabalhar em equipe são características fundamentais para atuar na área. O Redator deve pensar de modo inovador, por isso deve estar sempre atento às mudanças nos meios de comunicação e ao trabalho realizado no mercado.

Mercado de trabalho

Assim como o Diretor de Arte, o Redator também figura entre os profissionais mais requisitados pelas agências. De acordo com um levantamento feito pelo trampos.co em dezembro, o Redator foi a 5ª função mais procurada pelas empresas em 2016.

A aproximação com o público exige que a comunicação feita pelas empresas seja impecável e sempre presente, ou então serão cobradas por isso. Algumas marcas renovaram seu discurso e hoje falam com os clientes como se fossem amigos. Outras, preferiram manter o tom mais tradicional, mas ainda assim conquistaram um lugar junto aos consumidores.

É importante ressaltar que não há um único caminho a seguir para obter resultados. Redatores precisam estudar e entender as necessidades do público em questão para estabelecer um canal produtivo de comunicação.

Colabore com esse material e com os futuros profissionais compartilhando suas experiências nos comentários abaixo. Veja mais posts sobre Guia de Profissões.

Para ser lido é preciso ser encontrado: use SEO ao seu favor

Não dependa do click-bait ou das redes sociais para conquistar leitores para seu conteúdo. Saiba como ser encontrado utilizando palavras-chave, ferramentas e técnicas de otimização SEO com quem manja muito do assunto.

quero saber mais sobre o curso!

Ministrante
Isabela Sperandio
Gerente de SEO
Grupo Abril

DEIXE UM COMENTÁRIO