sorte

Você já teve uma maré de azar daquelas que o mundo parece estar conspirando contra você? Já pensou em melhorar sua sorte? Sem usar feitiçaria ou cristais mágicos? Acontece que alguém fez uma pesquisa científica sobre a sorte. Richard Wiseman é professor de psicologia na Universidade de Hertfordshire e autor de diversos best-sellers, incluindo O Fator Sorte (confira seu excelente canal no Youtube aqui.)

Leia também:
» 13 coisas que pessoas mentalmente fortes evitam
» 7 coisas que pessoas felizes fazem frequentemente
» Infográfico: como você está matando a sua criatividade

Richard pesquisou mais de 1.000 pessoas e descobriu que algumas são muito azaradas. Ele disse:

Uma mulher contou que sofreu oito acidentes de carro em uma viagem de 150 milhas. Ela também era azarada no amor. Após entrar em uma agência de encontros, seu primeiro candidato caiu da motocicleta e quebrou a perna. O segundo atravessou uma porta de vidro e quebrou o nariz. Eventualmente, ela encontrou seu futuro marido, mas a igreja onde iriam se casar pegou fogo no dia anterior ao casamento.

Você pode mudar sua sorte? Sim, você pode. Segundo Richard:

O que o estudo revelou como um todo é que as pessoas podem mudar sua sorte. Sorte não é algo naturalmente paranormal. É algo que criamos através de nossos pensamentos e comportamentos.

Richard realizou uma série de experimentos, que ele nomeou de “Escola da Sorte” e ensinou as pessoas azaradas a agirem parecidamente com as pessoas sortudas. O resultado? No total, 80% das pessoas que participaram disseram que sua sorte tinha aumentado. Em média, essas pessoas estimaram um aumento de mais de 40%. E, não somente se tornaram mais sortudos, ficaram mais felizes também.

Ok, você não quer que a igreja queime um dia antes do seu casamento. Veja o que Richard diz sobre como se tornar mais sortudo:

1. Maximize oportunidades

Isso faz sentido: se você se trancar em casa, quantas coisas excitantes e inesperadas podem acontecer para você? Não muitas. Em seu livro, Richard escreveu: “Pessoas sortudas criam, notam e agem de acordo com as oportunidades em suas vidas”. Pessoas sortudas tentam coisas. Pessoas azaradas sofrem de paralisia por análise. Elas nada farão enquanto não pensarem sobre todos os ângulos e, até lá, o mundo já andou. Não se beneficiam do aprendizado pela realização. Tente diversos projetos, veja o que funciona e o que não funciona, e faça melhorias baseadas no feedback.

Certos tipos de personalidade são mais sortudos porque tendem a criar cenários que maximizem oportunidades e, por consequência, aumentam a sorte. Quem é mais sortudo?

Pessoas extrovertidas: mais tempo com os outros, mais possibilidades interessantes.
Pessoas que não são neuróticas: pessoas tensas e ansiosas têm menos chances de perceber e aproveitar oportunidades.
Pessoas abertas a novas experiências: se você resiste ao novo, provavelmente não terá coisas interessantes acontecendo em sua vida.

E pesquisas indicam que o velho ditado é verdade: “Você se arrepende mais das coisas que não fez”. Com o passar do tempo, desenvolvemos o costume de racionalizar nossos fracassos. Mas não podemos racionalizar as coisas que nem tentamos. Então continue tentando coisas novas. Se você fizer o que sempre faz, terá sempre o mesmo resultado.

2. Dê ouvidos à intuição

Pessoas sortudas agem segundo suas intuições, em muitas áreas de suas vidas. No estudo, quase 90% das pessoas sortudas disseram acreditar em suas intuições quando se trata de relacionamentos, e quase 80% afirmaram que a intuição teve uma importância vital em suas escolhas de carreira.

E a intuição não é magia. Pesquisas mostraram que ela é válida. Segundo Richard:

O que a intuição parece ser é que, quando você é especialista em uma área, de alguma forma o corpo e o cérebro detectam um padrão que você, conscientemente, não viu… Quando estávamos falando com as pessoas sortudas, elas muitas vezes diziam: “Se eu tiver um pressentimento sobre alguma coisa, eu paro e considero”. Quando as pessoas azaradas têm essas sensações, elas não seguem em frente porque não sabem de onde vieram. Eles estão muito preocupados com o mundo.

Quer aumentar a sorte em sua vida? Siga sua intuição com mais frequência.

sorte

3. Acredite em boa sorte

Puro e simples: é otimismo. É mais provável tentar novas coisas, seguir oportunidades e alcançar o sucesso quando você acredita que tudo dará certo. Em média, pessoas sortudas disseram haver 90% de chance de terem grandes momentos em suas próximas férias, e 84% de chance de alcançarem uma de suas ambições de vida. E esse otimismo traz mais resiliência às pessoas sortudas. Quando pensa que as coisas darão certo, você persevera. E quando você é resiliente, consegue mais tempo para trabalhar as oportunidades a seu favor.

Céticos devem estar balançando suas cabeças: “Mas todos conhecemos pessoas que não são só otimistas – são completamente iludidas. Você está dizendo que devemos mentir para nós mesmos?”. Mais ou menos. Enquanto que os pessimistas vêem o mundo mais precisamente, otimistas têm mais chance de serem sortudos porque suas desilusões os empurram às oportunidades.

Segundo Richard, pessoas sortudas aceitam as superstições positivas. “Em estudos, vimos que amuletos da sorte aumentam a performance, seja em habilidades físicas, como jogar golfe, seja em habilidades mentais, como memorização de tarefas”.

Você leu isso certo: pesquisas indicam que amuletos da sorte funcionam. De acordo com o livro How Science Can Make You Braver, pesquisadores descobriram que ao ativarem crenças de boa sorte esses objetos melhoram a confiança das pessoas e este aumento de autoconfiança, por sua vez, se reflete em diversas áreas de performance. O pensamento positivo, de acordo com o estudo, teve efeito sobre a habilidade das pessoas de resolverem quebra-cabeças e de lembrarem das imagens mostradas em 36 cartas diferentes, e ainda melhorou suas performances no golfe! De fato, pessoas que têm amuletos da sorte performaram significativamente melhor do que as que não tinham.

Estudos comprovam que ser um pouco iludido tem seus benefícios:

Superstições podem aumentar a performance.
Desejar boa sorte a alguém, faz a pessoa se sair melhor.
Excesso irracional de confiança aumenta a produtividade e melhora o trabalho em equipe.
Enganar a si mesmo está associado com redução de estresse, visão positiva e aumento de resistência à dor.

O mundo pode ser cruel. Algumas vezes a vida parece ser aleatória. Mas pesquisas indicam que sentir-se no controle – mesmo que não seja verdade – é poderoso. Mas o que acontece quando as coisas ainda dão errado? O que fazer quando estiver agindo como uma pessoa sortuda e o azar te acertar na cara?

4. Transforme a má sorte em boa

Pessoas sortudas nem sempre tem sorte, mas elas lidam com as adversidades diferentemente das pessoas azaradas.

Pessoas sortudas enxergam o lado positivo do azar.
Pessoas sortudas estão convencidas de que qualquer má sorte que tiverem na vida, à longo prazo, será para o melhor.
Pessoas sortudas não se prendem à sua má sorte.
Pessoas sortudas tomam passos construtivos para prevenir mais má sorte no futuro.

Como você responde ao desapontamento? Desistir, ficar depressivo e se trancar em casa não vai ajudar o mundo a te oferecer melhores oportunidades. Segundo Richard, quando as coisas ficam difíceis, você tem duas escolhas: desistir ou continuar. Pessoas sortudas são muito resilientes.

Eu me lembro de conversar com uma pessoa sortuda que tinha caído das escadas e quebrado a perna. Eu disse: “Aposto que você não se considera tão sortudo agora.” Ele disse que a última vez que foi parar no hospital, conheceu uma enfermeira e os dois se apaixonaram. Agora, estão casados a 25 anos. Segundo ele: “Foi a melhor coisa que poderia acontecer comigo… Então, sim, as coisas podem parecer ruins agora, mas o efeito à longo prazo pode ser muito, muito positivo”. Essa é uma atitude resiliente. Pessoas sortudas tendem a ter esse tipo de abordagem.

Encontre o lado bom por trás da tempestade. E não assuma que há uma tempestade atrás de cada lado bom. Vamos resumir tudo e aprender o último (e mais importante) benefício de acreditar na sorte.

Aqui segue o que Richard diz sobre como atrair boa sorte:

  1. Maximize oportunidades: continue tentando coisas novas.
  2. Escute sua intuição: especialmente em uma área que você tem experiência, confie em sua intuição.
  3. Acredite em boa sorte: seja otimista. Um pouco de ilusão faz bem.
  4. Transforme a má sorte em boa: não se prenda às coisas ruins. Enxergue o todo.

Talvez você ainda esteja cético. Mesmo que a sorte seja real, você não aceita se iludir. Dê uma chance mesmo assim. Há outros benefícios. Um pouco de ilusão pode melhorar relacionamentos. Pessoas com ilusões positivas sobre sua parceira(o) são mais satisfeitas, melhores no amor e na confiança e têm menos problemas. De fato, acreditar na sorte pode fazer de você, uma pessoa mais divertida.

O livro The 7 Laws of Magical Thinking diz que o pensamento mágico também é importante para se soltar e se divertir. Brugger encontrou uma correlação positiva entre a ideação mágica e a habilidade de encontrar prazeres na vida. Mais magia, mais diversão (desde que a realidade permaneça ao alcance). “Estudantes que não são mágicos, tipicamente não gostam de ir à festas”, afirma. “Ser totalmente racional não é saudável”.

No curto tempo que Richard passou com suas cobaias, ele experimentou algo semelhante. Pessoas que se sentem sortudas são mais carismáticas. Era bom estar ao seu redor. Segundo Richard:

Através de incontáveis entrevistas com pessoas sortudas e azaradas, descobri que você pode adivinhar, em poucos segundos, qual o tipo de pessoa você está entrevistando. Pessoas sortudas eram mais envolventes e alegres. E as emoções são contagiosas. Após algum tempo com uma pessoa sortuda, você se sente bem consigo mesmo e começa a ver o mundo de uma maneira muito positiva. Gaste tempo com uma pessoa azarada e você começará a se concentrar naquela dor nas costas que você quase tinha esquecido, mas que agora parece dez vezes pior. Algumas pesquisas ainda em andamento mostram que um dos fatores principais não é como você se sente, mas como você faz a outra pessoa se sentir. Está muito relacionado ao carisma.

Agora coloque um amuleto da sorte no seu bolso. Parece que a ciência está nos dizendo que acreditar na sorte pode não somente ser a melhor maneira de ser iludido, mas também o segredo para uma vida melhor. Todos precisamos de boa sorte!

Texto originalmente publicado no site Barking Up The Wrong Tree. Traduzido e adaptado pela equipe do Tutano.

DEIXE UM COMENTÁRIO