10 perguntas loucas para encontrar o candidato perfeito

2015-10-01_perguntas_loucas_candidatos2

Geralmente, os candidatos têm uma ideia dos tipos de perguntas que serão realizadas durante a entrevista. Eles estão acostumados às perguntas comuns, por isso suas respostas soam ensaiadas ou sem originalidade.

Leia também:
» As perguntas mais difíceis que a Apple faz na entrevista
» 10 perguntas comportamentais para fazer na entrevista
» 15 dicas para melhorar suas habilidades como entrevistador

Para ajudar os entrevistadores a conhecerem mais sobre o candidato, e descobrirem quem é a melhor escolha para a vaga e para a empresa, é necessário ir mais fundo. Perguntas certas vão, definitivamente, trazer as informações necessárias para selecionar corretamente os candidatos. Neste caso, as perguntas certas são do tipo heterodoxas. Aqui seguem 10 perguntas loucas que podem ajudar a medir a personalidade do candidato e seu tempo de resposta:

1. “Conte uma piada”

Essa não é uma pergunta de humor, mas um teste para ver quão rápido o candidato consegue dar uma resposta inteligente. O que importa não é ser engraçado, é o modo como ele faz a piada ser engraçada, o que demonstra uma boa comunicação.

2. “O que você normalmente faz aos sábados?”

O que um funcionário faz durante o tempo livre não é de seu interesse, mas não faz mal ter uma ideia dos seus passatempos e interesses. Fazer essa pergunta te dá a oportunidade de ver se ele faz algo produtivo quando ninguém está olhando. Também mostra se ele segue uma agenda ou, simplesmente, faz o que quer de acordo com o momento.

Esqueça a pergunta clichê sobre o livro que levaria para uma ilha

Esqueça a pergunta clichê sobre o livro que levaria para uma ilha

3. “Se fosse levar um livro para uma ilha, onde ficasse preso pelo resto da vida, como você foi parar nessa ilha?”

Enquanto fala a primeira parte da pergunta, o candidato já pensou em um livro e esta pronto para explicar porque esse seria o livro que levaria para uma ilha. Entretanto, ficará surpreso quando perceber que essa não é a pergunta. Ele deverá pensar, rapidamente, em uma razão possível de estar exilado em uma ilha e apagar qualquer coisa da sua mente que esteja relacionada à livros.

4. “Faça-me uma pergunta não relacionada a trabalho”

Dê, ao candidato, o privilégio de fazer uma pergunta enquanto você avalia a maneira como ele obtém informações valiosas. A pergunta que ele fizer vai determinar em que ele está curioso e qual é o esforço que ele está disposto a fazer para conseguir a informação que deseja. A entrevista é uma forma de pesquisa e pesquisar faz parte de todo tipo de trabalho.

5. “Qual é o melhor conselho que você pode dar para seu neto?”

Isso vai medir o quanto a pessoa aprendeu no passado e como ele vai explicar complicadas lições de vida para uma criança. É um teste para saber como ele transmite conhecimento sem usar termos e conceitos difíceis que, provavelmente, não serão entendidos por uma criança pequena. É melhor deixá-lo explicar algo que não é relacionado ao trabalho para que possa falar livremente.

6. “Se pudesse mudar algo em você, por que não?”

Essa pergunta não é um julgamento sobre o caráter ou as escolhas de uma pessoa, mas irá revelar a profundidade do seu nível de autoconhecimento e quais são as desculpas que ele tem para não alterar o comportamento.

7. “Se fosse feito um filme sobre sua vida profissional, qual seria o título?”

O título do filme descreve o modo como o candidato vive sua vida profissional. Isso demonstra sua ética, conquistas, quedas e planos para o futuro. Também é importante notar se ele é capaz de separar sua vida no trabalho da vida fora do escritório, através da ficção.

Esqueça também a pergunta sobre o que você estará fazendo daqui a dez anos

Esqueça também a pergunta sobre o que você estará fazendo daqui a dez anos

8. “Com quantos anos você quer morrer?”

Perguntar com qual idade o candidato quer morrer é uma alteração da pergunta “Quais são seus objetivos na vida?”. Independente dele escolher morrer jovem ou com 100 anos, essa pergunta mostra o que ele quer alcançar até uma certa idade, qual sua prioridade e como ele usaria seu tempo.

9. “Se o CEO escolher você para substitui-lo, você aceitaria?”

Apesar de ser quase impossível o CEO da empresa escolher um novato para tomar seu lugar, é importante saber se o candidato está pronto para desafios grandes como esse. Isso mede a quantidade de confiança e segurança que a pessoa tem em si mesmo e se isso beira a arrogância e a presunção.

10. “O que a manteiga e a gravata têm em comum?”

Você pode alterar “manteiga” e “gravata” para duas coisas diferentes que não têm conexão entre si. Isso irá testar o pensamento crítico e criativo de um candidato e sua determinação em provar que os dois itens têm coisas em comum quando, de fato, não há correlação alguma.

Quais perguntas loucas você já ouviu ou já fez para candidatos? Compartilhe nos comentários.

Texto publicado originalmente no site Good.co. Traduzido e adaptado pela equipe do Tutano.

Podemos te ajudar a encontrar os melhores profissionais

Divulgue, Gerencie, Contrate. Conheça nossa plataforma de publicação de vagas e encontre o candidato ideal.

DEIXE UM COMENTÁRIO