5 formas de aprender idiomas informalmente

texto-16---aprender-idiomas-informalmente

Aprender idiomas como inglês, espanhol, francês e, mais recentemente, chinês ou japonês é um dos fortes diferenciais de mercado para aqueles profissionais que querem conquistar as melhores oportunidades e construir uma carreira promissora. Mas nem todo mundo consegue se adaptar bem à rotina de sala de aula, com cursos presenciais duas ou três vezes por semana, lendo apostilas e livros, cumprindo exercícios com prazos, etc.

Que tal descobrir alguns métodos mais dinâmicos para aprender outras línguas e deixar seu currículo bem mais interessante?

ESCUTANDO MÚSICA
Ouvir canções de suas bandas estrangeiras favoritas, no idioma que você quer aprender, pode melhorar enormemente a compreensão oral, intensificar o vocabulário e a pronúncia, sobretudo no estilo mais popular, do dia a dia. É possível encontrar palavras diferentes, gírias e expressões que podem ser usadas no cotidiano, que você pode pesquisar, entender o significado e usar na hora certa.

novaslinguas2

DESENHOS ANIMADOS, SERIADOS E FILMES
Existem milhares de opções de desenhos, seriados, filmes e documentários (curta e longa-metragens) que trazem termos novos e diferentes. Usando o recurso das legendas em português, a compreensão do contexto fica ainda mais fácil.

E-LEARNING
O ensino online, com aulas ao vivo ou gravadas, é um método parecido com o esquema de aulas tradicionais — muitas vezes com um cronograma a ser seguido, com horários fixos para o aluno. Contudo, existem opções onde o estudante tem mais liberdade para montar sua própria grade de aulas virtuais. De modo geral, uma das grandes vantagens é a possibilidade de estudar na hora e no lugar que quiser, criando um ritmo personalizado de aprendizagem. Mas é preciso bastante disciplina e auto-organização para dar conta das tarefas.

SITES E APPS
Vários sites e apps oferecem cursos gratuitos, com apresentações em slides, vídeos, apostilas, jogos e muito mais. O grande barato desse modelo é que alguns portais admitem a troca de informações e contato entre alunos que moram em locais muito distantes, o que os torna parecidos com uma rede social. Um dos mais populares, o LiveMocha, é aprimorado pelos próprios estudantes, que podem se tornar professores de sua língua nativa. O Duolingo também é uma ótima opção gratuita, que utiliza da metodologia de gamification para ensinar inglês e espanhol.

novaslinguas

CONVERSAÇÃO COM ESTRANGEIROS
Existem sites que são focados nessa troca, como TwitCasting, Wespeke e Interpals. No Brasil, aproveitando o potencial dessa técnica, a escola de idiomas CNA criou o projeto speaking exchange: através de um software, alunos brasileiros passaram a conversar com idosos norte-americanos que vivem em casas de repouso. Os estudantes aprendem e praticam e os idosos se distraem com novos parceiros para bater um papo.

É claro que o estudo formal dos idiomas, com a aplicação de uma boa técnica de didática, pode ajudar bastante quem está começando a aprender e absorver os conteúdos — ou que precisam de uma linguagem mais culta, específica para um setor de negócios, por exemplo. Porém, o aprendizado informal pode ser o empurrão que faltava para te deixar mais à vontade com uma língua diferente.

DEIXE UM COMENTÁRIO