Vagas nas grandes agências: Wunderman, ampfy, MUV e muito mais!

Vagas nas grandes agências: Wunderman, mcgarrybowen, w3haus e muito mais!
Confira a nossa seleção de oportunidades de emprego abertas nas grandes agências de comunicação.
 
 
wunderman logo

A filial brasileira da agência global já conquistou mais de 40 prêmios nos principais festivais de propaganda do mundodiversos Leões de Cannes, Effie Awards Brasiprêmio Albert Lasker

 

ampfy

Eleita uma das maiores agências brasileiras em 2013, a mcgarrybowen soma, em seus 15 anos de experiência, mais de 9 Leões em Cannes, 40 Prêmios no CCSP, 1 One Show e 2 POPAI.

(Não encontrou oportunidades na sua área? Deixe seu CV aqui)

 

mullen lowe logo

A MullenLowe é uma boutique criativa global formada por agências culturalmente distintas, reunindo ao mesmo tempo proximidade e tamanho, em mais de 65 países ao redor do mundo.

 

fbiz

Com grandes clientes como Unilever, Motorola e Pernod Ricard, a F.biz soma mais de 22 prêmios nacionais e internacionais, além de ter sido eleita diversas vezes como uma das melhores agências para se trabalhar, segundo a Great Place to Work.

 

vetor-zero

Estúdio de animação 3D pioneiro do Brasil, a Vetor Zero produz comerciais e conteúdo em animação para grandes clientes como Pepsi, 99, Renault, Toyota e Yoki há mais de duas décadas. 

 

 muv-logo

A MUV nasceu do departamento de Mobile da F.biz, e hoje faz parte do grupo WPP. Atualmente, a MUV possui escritórios no Brasil e nos Estados Unidos, realizando campanhas de mobile marketing em mais de 45 países.

 

 

newblue

A Newblue é uma agência com 7 anos de mercado e grandes clientes nacionais e internacionais, há 2 anos ocupando o top 5 do YouTube Ads Leaderboard.

 

Leia atentamente a descrição das vagas antes de se candidatar para ver se combinam com o seu perfil! Essas vagas não combinaram com você? Confira todas as oportunidades disponíveis no trampos.co
 

Confira todas as oportunidades!

 
Dê uma força para aquele seu(a) amigo(a) na área para e #indiqueumtrampo 

DEIXE UM COMENTÁRIO