6 coisas que os colaboradores querem ouvir dos seus chefes

2015-10-19_empregados_querem_ouvir3

Você é o tipo de chefe que elogia as contribuições dos seus colaboradores, conversa com eles individualmente e demonstra interesse em suas vidas? Se não, talvez você não esteja fazendo o suficiente para promover um ambiente de trabalho bem conectado.

Leia também:
» 10 ideias infalíveis para engajar os colaboradores
» 15 dicas para melhorar suas habilidades como entrevistador
» 6 comportamentos tóxicos que afastam as pessoas

De acordo com pesquisa recente feita pela Harris, que perguntou aos colaboradores sobre os problemas de comunicação que impedem os chefes de se tornarem líderes efetivos, 63% dos pesquisados disseram que a falta de reconhecimento é o maior problema. Outras respostas sugerem que os colaboradores sentem-se subvalorizados e alienados pelo modo como são tratados por seus superiores. Mais da metade dos pesquisados disseram que seus chefes não têm tempo para conversar individualmente e uma porcentagem similar disse que seus chefes se recusaram a conversar. Para mais de um terço dos pesquisados, a maior queixa foi que seus superiores não sabiam seus nomes e um quarto dos respondentes afirmaram que gostariam que seus chefes perguntassem sobre suas vidas fora do trabalho.

Fazer um esforço para melhorar a maneira como você se comunica com seus colaboradores não somente reforça as relações interpessoais e a moral da equipe como, também, aumenta a produtividade e ajuda no resultado final, de acordo com Lou Solomon, CEO e fundador da Interact. Os líderes mais eficazes são aqueles proativos em relação a construir um local de trabalho interligado, onde os colaboradores se sentem ouvidos e apreciados.

2015-10-19_empregados_querem_ouvir

Aqui estão seis coisas que você deveria dizer para melhorar o vínculo e o reconhecimento dos seus colaboradores:

1. “Isso é o que eu aprecio sobre você e sua contribuição”

O básico “bom garoto” ou “boa garota” não satisfaz pessoas que entraram de corpo e alma no trabalho. No lugar disso, diga algo específico como “Eu aprecio a maneira como você junta pessoas de outros departamentos afim de alcançar as metas da sua equipe – você é um conector.” Líderes precisam indicar as contribuições únicas e específicas de cada colaborador.

2. “Obrigado” (pessoal e público)

Do elevador ao estacionamento, interações diárias representam oportunidades para os líderes demonstrarem apreciação pelos esforços de seus colaboradores. Reconhecer publicamente em uma reunião de equipe ou um sincero “obrigado” em um comunicado interno também é significativo.

3. “O que você acha?”

Colaboradores retêm suas melhores ideias dos líderes que sempre têm a resposta “certa” ou daqueles que levam o crédito pelas ideias dos outros. Faça perguntas como essas: “O que você observou?” “Como você acha que devemos melhorar?” “O que nos mantêm presos?” “O que você mais gostou sobre isso?” Estabeleça um ambiente seguro onde as pessoas têm a oportunidade de se expressarem e de serem reconhecidas por suas ideias.

2015-10-19_empregados_querem_ouvir2

4. “Isso é o que está acontecendo e o que podemos esperar”

Muitas vezes, as empresas mudam tão rápido que a informação é retida até o último minuto. Isso é uma grande distração para os colaboradores, que precisam “falar a verdade” sobre seus futuros. Líderes, muitas vezes, subestimam a habilidade dos colaboradores de aceitarem os “porquês” se forem compartilhados de maneira honesta. Os líderes ganham respeito quando compartilham o que sabem o mais cedo possível. Explicações são melhores do que nada.

5. “Tenho um feedback para você”

Não espere por uma revisão de performance para dizer às pessoas como elas estão se saindo. Uma cultura de feedback contínuo é mais saudável e ágil.

6. “Deixem-me contar sobre quando errei”

Líderes inteligentes e capazes, que sabem das coisas, são muito respeitados, mas os colaboradores gostam e acreditam nos líderes que, ocasionalmente, riem dos próprios erros e são honestos sobre as lições que a vida os ensinou. Um líder eficaz diz: “Deixem-me contar sobre algo que aprendi do jeito difícil”, ao invés de ordenar o caminho a ser seguido.

Se você acredita que precisa de ajuda para melhorar o engajamento e a comunicação entre seus colaboradores, conheça o DIA.LOG, um workshop voltado a comunicação efetiva entre pessoas.

Saiba porque feedbacks são presentes e como construí-los

Na comunicação pessoal, nem sempre percebemos que estamos nos trumbicando e é comum falhar ao tentar passar uma mensagem. Toda essa percepção passa por uma autoavaliação e pelo conhecimento das ferramentas certas no DIALOG. Vem com a gente!

quero saber mais!

Ministrante
Patrícia Andrade
Owner da YBR Coaching

 

Texto originalmente publicado no site Business Daily. Traduzido e adaptado pela equipe do Tutano.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO