Quais habilidades desenvolver em cada fase da sua carreira

2016-05-25_desenvolver_talento

No início da sua carreira, você tem boas chances de ser contratado por suas habilidades técnicas, aquelas que você sabe que são relevantes para a função. Quando você acabou de se formar, ou mesmo com alguns poucos anos de experiência, o tipo de software que você domina, o conhecimento que você adquiriu na faculdade e outras credenciais técnicas são realmente importantes.

Leia também:
» Como utilizar os seus diferenciais para se destacar
» Conheça as qualidades de um bom feedback
» 30 razões que farão sua carreira melhor aos 30

Mas o que ninguém diz é que, apesar de você ter sido contratado por essas habilidades técnicas, elas gradualmente perdem importância. Quanto mais longe for na carreira, menos você será avaliado por essas mesmas habilidades – e isso é especialmente importante quando alcançar o nível pleno. Por quê? Porque as habilidades técnicas que fizeram você ser contratado não serão suficientes para uma promoção.

image-01

Isso não quer dizer que desenvolver suas habilidades técnicas não é importante. Você deve se tornar melhor e mais rápido em qualquer que seja a sua função ao longo da carreira, seja programação, design, pesquisa ou qualquer outra coisa. Mas, se você desenvolver somente essa área, perceberá que a promoção é mais incerta do que esperava. Desenvolver suas habilidades técnicas pode ser o suficiente para ser promovido do nível 1 para o 2, ou de encarregado para supervisor, mas para ir adiante você terá que demonstrar melhorias em outras áreas.

DESENVOLVA COMPETÊNCIAS PESSOAIS…

Então, como se faz isso? Aprenda o que realmente importa para ser promovido em cada fase da sua carreira. Apesar de toda função ser diferente, o segredo é investir mais e progressivamente em suas competências pessoais – sua capacidade de fazer as coisas, suas habilidades de liderança e sua simpatia no trabalho (quer você goste ou não).

Para começar – e não importa em que fase você está atualmente – tome um minuto para avaliar onde você está em cada uma dessas categorias:

image-02

Quanto mais alto for, mais decisivas serão essas características. Talvez você já tenha algumas delas na mala mas poderia retocar outras. Agora que você sabe o que tem que enfrentar, é hora de tomar atitudes. Aqui segue uma estratégia para o crescimento de suas competências pessoais:

1. AUTO AVALIAÇÃO

Fazendo um balanço dos seus trabalhos recentes e dos seus hábitos, em quais áreas você sente que é forte? Quais você acredita serem importantes para serem priorizadas agora e por quê? Saber as respostas para essas questões será importante para alinhar sua conversa com seu gerente no próximo passo.

2. CONVERSE COM O SEU GERENTE

Agora é a hora de alinhar. Fale com seu gerente para determinar o que é mais importante para você aprender agora e o que será mais importante no futuro: quanto ele valoriza o crescimento nessas áreas? Você concorda? O que você pode esperar que aconteça quando demonstrar crescimento nessas áreas? Tente ser específico sobre o que está sendo avaliado em cada fase. Suas responsabilidades podem mudar durante os vários momentos da carreira então aprenda sobre os “degraus internos” que estiverem disponíveis para você e como esses degraus se alinham com seus forças e áreas em desenvolvimento.

3. PROMOVA O CRESCIMENTO DAS COMPETÊNCIAS

E esse crescimento pode estar mais perto do que parece. Quais oportunidades de colaboração e liderança podem já existir? Quais são os caminhos para se assumir mais responsabilidades? Faça um brainstorm sobre oportunidades e valide com seu gerente. Você vai precisar do apoio dele para assumir novas coisas e para acompanhar seu progresso.

…SEM ESQUECER DAS HABILIDADES TÉCNICAS

E se seu gerente disser que você ainda precisa melhorar suas habilidades técnicas?

Se você perceber que seu gerente está focando nas habilidades técnicas apesar de você querer desenvolver competências pessoais, isso pode significar duas coisas: ou você ainda está no nível júnior e precisa desenvolver o básico (o que é normal no início da sua carreira) ou, se você está no nível pleno e ainda recebe esse tipo de feedback, você pode estar em uma empresa que valoriza mais as habilidades técnicas do que as competências pessoais quando se trata de promoções.

Se esse é o caso, você talvez descubra que, quanto mais alto for em uma empresa desse tipo, menos vai gostar das pessoas ao seu redor. Considere se essa hipótese (e empresa!) seria um bom lugar para você. Talvez seja melhor procurar uma empresa diferente, que valorize as competências pessoais tanto quanto você.

Texto originalmente publicado no site FastCompany. Traduzido e adaptado pela equipe do Tutano.

Desenvolva sua carreira com consistência no Ponto de Partida

Reconheça seu momento, suas fraquezas, forças, oportunidades e todos os aspectos da vida que precisam de melhorias para definir seus objetivos profissionais e buscar seus sonhos em um programa online e gratuito liderado pela coach Patricia Andrade.

Ponto de Partida
PROGRAMA GRATUITO DO TRAMPOS ACADEMY PARA IMPULSIONAR SUA CARREIRA E SUA VIDA PESSOAL

DEIXE UM COMENTÁRIO